sexta-feira, 9 de maio de 2014

Estou cansado de ver tanta heresia disfarçada de espiritualidade cristã.





Tem gente que funda igreja como se "abrisse" um comércio, um bar, uma loja ou coisa semelhante. Cada dia tem uma promoção diferente. Cada dia tem um produto também diferente e com apelo de ser mais saboroso ou mais interessante. Tem conjunto novo a cada semana se apresentando e aquele pregador que grita mais ou promete mais bençãos é bem semelhante aquelas pessoas contratadas que ficam na porta das lojas num microfone anunciando as novas ofertas a preços bem baratinhos... 

E as campanhas então? Não sei bem distinguir se são campanhas espirituais ou publicitárias. 

Ensino sério da Palavra nem pensar. Pregação Cristocêntrica parece ser pecado em tais lugares. Emocionalismos, histerismos e desequilíbrios são comuns e apoiados pelos tais "profetas de plantão" e "curandeiros" oportunistas.
O que esses "fundadores" de igrejas assim não entenderam ainda é que a Palavra de Deus se renova todos os dias e não precisa inventar ou criar atrativos para as pessoas virem. Basta evangelizar, pregar e ensinar a Palavra. Deus é quem realiza, não nós. Somos apenas instrumentos nas mãos do Senhor, porém para sermos instrumentos de bênção precisamos obrigatoriamente obedecer as orientações de Deus revelados em Sua Palavra. Não é pra sair fazendo a obra de Deus do jeito que bem entender. Há um manual a seguir chamado Bíblia. 
Eu não sei bem do que estas pessoas tem medo ou receio. Será que pensam que a Palavra de Deus não basta? Será que pensam que precisam dar uma "mãozinha" para o Espírito Santo? ou será que a intenção na verdade, não é abençoar as pessoas ou propagar o Evangelho e por isso se amedrontam quando a igreja não está cheia de gente? Será que buscam mostrar aos homens que são "bons" pastores simplesmente porque suas igrejas estão cheias? Ora, os terreiros espíritas, as mesquitas, os salões do reino, e tantos outros locais de reunião religiosas vivem cheios de gente e nem por isso ali está a verdade e o verdadeiro culto cristão, ao contrário, são locais onde se ensina tudo menos a vontade do Deus da Bíblia. 


Realmente sinto muito tristeza pois muitos desses farsantes estavam entre nós e foram ensinados corretamente, porém decidiram seguir pelo caminho fácil e enganoso da glória e fama pessoal. São insubmissos, arrogantes e orgulhosos e prestarão contas a Deus de seus atos pecaminosos. 
Oro sinceramente para que se arrependam e retornem ao bom caminho ou aproveitem bem a glória passageira e o galardão duvidoso, pois lamentavelmente terão em breve um duro encontro com o Justo Juiz.

PrMagdiel G Anselmo

Saudades do tempo em que ser crente era renunciar ao mundo.


Hoje vivemos em dias que ser crente é uma questão de mera adaptação e não de transformação real. Muitos desejam seguir a Cristo mas não desejam deixar de seguir a satanás.
Querem servir a Deus mas não desejam ou aceitam consertar erros em sua vida. Não desejam abandonar vícios, mentiras, desonestidade, jugo desigual, pecados ocultos, etc... São apenas religiosos (e mesmo assim, péssimos religiosos).
Não entenderam que não há como seguir a dois senhores ou não seguir nenhum deles, ou servirá a um ou servirá ao outro, ou seguirá um caminho ou seguirá o outro.
Hoje em dia ser crente virou um passatempo de final de semana e olha lá... virou apenas uma brincadeira ou "modinha" sem maiores implicações...
A verdade é que vida cristã é acima de tudo, uma vida de renúncia e obediência. E essa renúncia e obediência são facilmente exercidas pelos que são verdadeiramente nascidos de novo, salvos e remidos pelo sangue de Cristo. Os que somente se dizem crentes ou cristãos (os chamados crentes nominais) não conseguirão jamais viver como tal. Serão sempre uma "caricatura de segunda", uma forma "genérica", "barata" e falsificada de um verdadeiro discípulo de Cristo. Sempre serão motivo de vergonha e mau testemunho para os de dentro e os de fora. Sempre deverão ser alvo de nossas orações, orientações e repreensões (banhados em amor cristão). Sempre trarão para si (se não houver arrependimento e verdadeira conversão) repentina destruição e condenação.
Essa é a verdade.
Doa a quem doer.

PrMagdiel G Anselmo.

Deus é O especialista em restauração de vidas.



Texto bíblico: Isaías 42:1-9
Introdução: O texto trata-se de uma profecia messiânica (vinda do Messias), que viria para restaurar, iluminar, curar e religar o ser humano a Deus.
O Messias já veio, Jesus Cristo cumpriu sua missão de salvador. A obra restauradora é atual e disponível a todos que são alcançados pela Graça de Deus.

Como Deus faz isso?

1) Quando lemos os versículos 3 e 4 vemos como ficamos quando conhecemos a Deus e por alguma razão o entristecemos e pecamos.
O texto fala em "cana trilhada" e "pavil que fumega", ou seja, ficamos fracos, frágeis, indefesos diante do mal que deseja nos destruir. Temos vergonha até de orar, de ir a igreja, de "tocar" e conversar sobre o assunto, nos sentimos indignos do amor e da presença de Deus, etc...
Mas, Deus, diferentemente do que pensamos, deseja restaurar nossa vida. "Ele não esmagará a cana trilhada, não apagará o pavil que fumega ou desanimará até que cumpra sua missão."
2) Deus fez isso com Moisés, Jonas, Pedro e deseja fazer isso conosco.
3) Se desejamos ser restaurados e termos nossos pecados e ofensas perdoados, e com sinceridade e arrependimento, confessarmos isso a Deus, Ele não olhará para nossos fracassos e erros, mas, assim como fez com Pedro, nos perguntará: "Tu me amas?"

Conclusão:

A sua consciência e o diabo podem formar uma dupla para lhe acusar, mas o Senhor nosso Deus lhe chama para ser restaurado completamente e parar de viver com a culpa do pecado. 
Vá a Deus e seja restaurado(a).
Deus não desistiu de você !!!
Esboço do sermão pregado pelo pr. Magdiel G Anselmo em 16.03.2014 na IPNAC.

Escolhendo a benção de Deus


Texto bíblico: Gênesis 13: 1-13

a) Vs 1,2; 12:1 - As escolhas que faço devem SEMPRE me levar a obedecer a Deus.
Abraão deixou tudo para seguir e obedecer a Deus. E você tem deixado o que para segui-Lo?

b) Vs 1. - As escolhas que faço devem SEMPRE ser movidas e dirigidas pelo Espírito Santo.
Nunca somente por emoções, sentimentos, pressões, etc...
Sempre analise se aquela opção irá agradar a Deus.

c) Vs. 10,11 - As escolhas que faço NÃO devem se basear nas aparências, mas SEMPRE devem ser analisadas espiritualmente.
Ló precipitou-se, foi iludido pelo que viu.
Cuidado com os presente do inimigo!
O diabo é o maior vendedor de ilusões que existe.

d) Vs. 11,12,13 - As escolhas que faço devem SEMPRE aumentar minha comunhão com meus irmãos em Cristo.
Ló se separou de Abraão.
Tudo que nos afasta dessa comunhão entre irmãos não é de Deus.
Turdo que nos impede de congregar com nossos irmãos regularmente não é uma escolha sábia.

e) Vs. 14-16 - Abraão deixou Deus escolher por ele.

CONSEQUÊNCIAS DAS ESCOLHAS DE LÓ E DE ABRAÃO:
Ló - 14:16,26, 30-38 (foi preso, expulso de casa..., incesto)
Abraão - 24:1; 25: 7,8 (abençoado pelo Senhor todos os dias de sua longa vida)

COMO VOCÊ TEM VIVIDO? COMO LÓ OU COMO ABRAÃO?
Deus abençoe sua vida.

Esboço de sermão pregado na IPNAC - Igreja Presbiteriana Nova Aliança em Cristo, Guarulhos, SP.
Pr. Magdiel G Anselmo.

Uns preferem superficialidade, outros, profundidade. O que tens escolhido?


Não há como ajudar quem não deseja ser ajudado.
Por mais que oremos e ensinemos o que é correto segundo as Escrituras, a benção do crescimento e edificação espiritual somente ocorrerá se houver obediência a Deus e prática da Palavra por parte daqueles que são alvo de nossas orações e ensino. Podemos suplicar e interceder a Deus por eles, mas a atitude de mudar deve partir deles. Deus não fará o que é para o homem fazer.
Mas lamentavelmente, tem "crente" que prefere o "oba-oba" reinante na maioria das igrejas ditas "cristãs" em nosso país. Preferem as canções dos tais artistas gospels e as mensagens pregadas pelos profetas midiáticos da auto-ajuda e enriquecimento fácil. Valorizam o antropocêntrismo ao invés do Cristocêntrismo e a epidemia de "unção disso ou daquilo" do que a sabedoria consequente do estudo bíblico responsável. Não valorizam o que realmente é prioritário como aprender e praticar a Palavra de Deus de verdade.
Paciência... fazer o quê?
Para shows circenses e vida de superficialidade e infantilidade não faltam "igrejas" em nossos dias. Sempre tem uma ali na esquina prometendo tudo que você mais deseja nessa vida e, sem precisar renunciar a nada, é só acreditar que tudo vai dar certo.
São fast foods religiosos de péssima qualidade onde se serve comida visando somente o paladar, o gosto e não visando o crescimento sadio das pessoas. São centros de propaganda enganosa que aos poucos mata seus frequentadores adoecendo-os e contaminando-os com uma enfermidade grave e terminal sem precedentes tão mortais na história da Igreja Cristã.
Triste realidade de nossos dias...
Agora igrejas sérias e comprometidas com a Palavra é mais difícil encontrar. Terá que procurar com paciência pois são poucas e muito perseguidas e discriminadas por essa imensa massa religiosa dominante que ama o superficial e o falsificado que já mencionei.
As igrejas sérias e fundamentadas na Palavra são consideradas igrejas de fariseus, antiquadas, ultrapassadas, tradicionais, fundamentalistas e coisas assim... Mas são essas que abençoarão sua vida. Não será em vão procurá-las e ali congregar com sua família. Procure que encontrará ainda gente séria e comprometida com Deus.
Não desista de encontrar um lugar assim para servir a Deus.
Ainda existe gente que crê mas que também pensa. Ainda existe gente equilibrada, coerente e madura biblicamente no seio da Igreja de Cristo. Ainda existem igrejas fiéis a Cristo.
Graças a Deus por isso.
Todavia, aos que preferem brincar de "igrejinha" um final triste os aguarda naquele dia. Cada um prestarás contas a Deus de sua vida aqui.
Já aos remanescentes que persistirem na fidelidade a Deus, uma eternidade de gozo e paz lhes espera, preparada pelo seu Senhor.
A escolha é sua.

PrMagdiel G Anselmo

Aceitando desafios.



Texto bíblico: Juízes 7:1-25

Além da conotação e contexto históricos, podemos aprender pela narrativa que Deus sempre está nos propondo desafios (v. 12). Gideão foi desafiado a batalhar em situações (tamanho do exército) e condições (armas) inadequadas e absurdas aos olhos humanos. Vejamos quais lições aprendemos aqui para que consigamos vencer estes desafios:

1. Não temer o mal (v. 3). Ter coragem para enfrentar os problemas que se apresentam (v.3) - "quem for tímido ou medroso (covarde) volte e retire-se..."

2. Confiar, acreditar em Deus, ter fé em Deus (v.7) "eu vos livrarei"

3. Estar atento a voz de Deus e as estratégias do inimigo. Vigiar. (v. 5-7) - "todos que se abaixaram de joelhos para beber a água que se retirem..." (mesmo quando saciamos nossa sede precisamos estar atentos aos ataques do inimigo). Prestar atenção pois o inimigo tentará de todas as formas e meios (situações, pessoas...) destruir nossa vida e não permitir que vencemos os desafios.

4. Precisamos lutar com as armas certas (as de Deus) e não as do mundo (v. 16--18) "...trombetas, cântaros e tochas..." contra espadas, lanças, escudos, armaduras, montarias, etc... (oração, intercessão, jejum, amor, verdade, perdão, Palavra de Deus contra toda maldade e perversidade do mundo, contra todos nossos problemas e dificuldades.)

5. Precisamos usar o método orientado por Deus para vencer os problemas e as setas do maligno. (v. 19-21) "tocar trombetas, quebrar os cântaros, acender as tochas, gritar: pelo Senhor e por Gideão". (Orar, amar, evangelizar, pregar, congregar, ouvir e aprender de e com Deus, obedecer a Palavra, fazem parte da metodologia de Deus para a Igreja) Para muitos isso é loucura, para nós é fazer o que é certo.

Conclusão:
Se assim agirmos, não precisaremos nos atracarmos com o inimigo ou termos medo dos problemas. Deus lutará por nós (vs. 21-25) e nos dará vitória - "E permaneceu cada um no seu lugar..." (v. 21a)
Seja você também um(a) vitorioso(a) de Deus como foram Gideão e seus 300 valentes.
Amém.

Esboço de sermão pregado pelo Pr. Magdiel G Anselmo na Igreja Presbiteriana Nova Aliança em Cristo - Guarulhos - SP.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...