segunda-feira, 26 de agosto de 2013

Para as ovelhas, o amor. Para os lobos e bodes, varada e cajadada.



A consequência da preguiça para estudar a Bíblia é claramente vista na mentalidade medíocre ou anti-bíblica da maioria dos crentes e na fácil atuação e penetração dos lobos e bodes no meio do rebanho de Cristo.
Poucos realmente buscam na Bíblia respostas para seus questionamentos e conflitos. Raros buscam na Bíblia conhecer a vontade de Deus para as diversas situações e circunstâncias da vida. Quase ninguém busca na Bíblia saber honestamente quais são os princípios e valores de Deus lá revelados.



Poucos desejam estudar a Bíblia, pois isso exige esforço, sacrifício e dedicação. Estudar a Bíblia, estudar a boa teologia, não é para covardes, irresponsáveis ou para aqueles que desejam que "tudo caia dos céus", sem ter nenhum trabalho ou parte nesse processo.
A renúncia pessoal em prol de seu próprio crescimento como crente é uma verdade e algo a se buscar e viver.
Esse negócio de pensar que Deus é obrigado a fazer tudo por nós e em contrapartida não fazermos nada é uma falácia e um conceito diabólico. A salvação não é por meio de nossas obras, claro que não. Mas isso não significa que tenhamos que ser servos inúteis, infiéis e não fazermos o que a Palavra nos manda fazer. Uma boa lida na parábola dos talentos ensinada pelo Senhor ajudaria muito na elucidação dessa questão.
Estamos aqui nesse mundo para trabalhar (IDE), não para apenas passar por ele.
Lá no Céus sim teremos descanso total, não aqui. Aqui é lugar de peregrinação, não de acomodação.
Muitos são fiéis aplicadores da Bíblia na vida dos outros, mas na sua própria, não usam a mesma medida ou a mesma orientação e conselho bíblico.

Saem pregando, evangelizando, ensinando um outro evangelho, uns por preguiça, outros por influência maligna. Sem a menor seriedade ou preocupação com a fidelidade às Escrituras.
Saem propagando suas arrogâncias, buscando seus interesses, sem ter a mínima responsabilidade e noção do que estão fazendo.

São movidos pelas emoções, desequilíbrios emocionais, distúrbios, sensações, suposições, divagações...
São sonhadores alucinados , ignorantes, instáveis, rebeldes.... deturpando a interpretação correta da Palavra de Deus.
Não aceitam e não respeitam autoridades espirituais, desrespeitam seus pastores e líderes... São murmuradores, "reclamões", ingratos, invejosos, egoístas, facciosos, criadores de contendas e divisões... dão trabalho no Reino de Deus e não trabalham pelo Reino de Deus.
São avessos ao estudo mais profundo e consistente da Bíblia simplesmente porque não desejam a posição de alunos ou aprendizes... desejam ser mestres, porém, sem nunca ter sido discípulos (o que não é aceitável, muito menos bíblico)
E lamentavelmente, são seguidos por pessoas imaturas, infantis, débeis, desprovidas de discernimento e sabedoria (porque não buscam). São seguidos muitas vezes por ovelhas feridas, que estão fora do rebanho, ovelhas fracas, anêmicas.... que no afã de encontrar alimento, são enganadas e iludidas por esses pseudos líderes cristãos. Ovelhas que peço a Deus, que intercedo com lágrimas diante de Deus, sejam iluminadas pelo Espírito para entender o perigo que correm seguindo tais lobos devoradores... Oro por essas ovelhas, trabalho por elas...
Os tais lobos ou "bodes", fundam "igrejas" não porque desejam propagar o Reino de Deus ou porque tem chamado divino para liderar, mas porque não desejam se submeter a ninguém (na verdade, querem ser chefes, mandar, ter "poder nas mãos").

Querem ser na igreja o que nunca tiveram competência ou capacidade pra ser na vida secular (chefes), mas confundem igreja com empresa, pastor com funcionário e crentes como meros consumidores. Não entendem que pastor não é chefe, não é empregado e que os demais crentes não são empregadores ou patrões.
Na verdade, não entenderam nada do que significa Igreja, nem espiritualmente, muito menos organizacionalmente.
São desprovidos de poder de reflexão e de bons frutos, são levados pelos senso comum sem pestanejar... são preguiçosos mentalmente e mortos espiritualmente.
Saem a comprar espaço em rádios e televisões... são ávidos por fama e notoriedade. Amam títulos e posições que lhes proporcionam projeção ou grande visibilidade.
Apenas perturbam e confundem os verdadeiros cristãos e atrapalham o trabalho das verdadeiras igrejas.
Não amam as pessoas, amam a si mesmos, apascentam a si mesmos.
São como ondas bravias do mar que espumejam suas próprias sujidades, estrelas errantes... A negridão das trevas está reservada para estes.
Tal qual Judas e Pedro em suas epístolas, estou cansado de gente assim...
Estou cansado de gente que usa todo tipo de justificativa para tentar ludibriar as pessoas e esconder suas reais intenções e motivações.
Estou cansado de ser compreensivo com lobos e bodes que nada mais fazem que buscar machucar e devorar ovelhas.

Aviso !

À partir de agora, onde encontrá-los, se preparem para varadas e  cajadadas!
Usarei a autoridade me dada por Deus ! 
A fase da conversa acabou !

Vou expulsá-los na força de Deus, do meio do rebanho de Cristo !!!
 
 
Pr. Magdiel G Anselmo.

Um comentário:

Faça seus comentários. Sua opinião é importante. Participe.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...